18 junho 2010

O desafio


Combinar 3 desportos não é nada fácil, mas a sensação de satisfação após cada treino terminado com sucesso é compensadora, por isso que irei eu dizer quando terminar um triatlo?

Entretanto boas notícias: para poderem contar com a minha presença a organização do Triatlo de Gaia adiou o evento para Setembro! Julgo que para não me colocarem sobre pressão justificaram-se com a logística, mas espero não defraudar as expectativas e conseguir alinhar! :-D

Desde o dia 6 que me tenho dedicado ao(s) treino(s) com o entusiasmo de uma criança que recebe um brinquedo novo, o que não deixa de ser verdade, porque enquanto que para a corrida fui adquirindo gradualmente os acessórios necessários (sapatilhas, garmin, camisolas dry-fit, etc.), neste momento vi-me confrontado com a necessidade de adquirir material para a o ciclismo e para a natação.

Na bicicleta andava a "treinar" (acho que posso chamar treino aquilo que faço) com o meu tanque de guerra, mas depois de falar com alguns entendidos preferi não entrar em loucuras e fiz apenas algumas adaptações.

A bicicleta tem um quadro de alumínio, não tem suspensões, mas a minha intenção é fundamentalmente rolar em estrada, tem uns travões mais ou menos e uma transmissão que para já se vai portando mais ou menos. Apenas tem 18 mudanças e uma roda pedaleira muito modesta o que faz com que a descer facilmente fique sem tracção, apesar de ter pneus de BTT que praticamente travam o andamento. Eis a minha melhor descrição da dita cuja.
O investimento foi simples: pneus de estrada + pedais e sapatilhas de encaixe. Já foi suficiente para conseguir aumentar a minha velocidade média (não vou dizer quanto para não me envergonhar).
Lá mais para a frente talvez invista numa bicicleta a sério, a menos que me surja pela caixa de comentários um negócio fantabulástico!
A segunda questão que envolve o ciclismo, para não falar ainda de toda a ciência por detrás do desporto, é a mecânica. Colocar a corrente no sítio e consertar furos são apenas as tarefas mais simples, pelo que espero que tão cedo não precise de colocar os meus conhecimento de mecânica à prova (lagarto, lagarto).

Natação: entusiasmado pelo relatos do Rui Pena sobre a sua equipa, auto-propus-me a entrar na AASM . De facto pude comprovar o excelente espírito de equipa e fui muito bem recebido no meu primeiro treino "à experiência". Apenas me esqueci que talvez fosse bom já saber nadar qualquer coisa para não ficar desmoralizado que foi justamente o que aconteceu. Se tivesse ido andar de bicicleta também ficaria para trás concerteza mas...
Todos eles já têm experiência de triatlos e nadam bastante bem, pelo que andei lá pela piscina a tentar não ser atropelado e até já deu para sentir na pele 1% da confusão das partidas de natação num triatlo! :D

A verdade é que saí de lá a pensar na minha vida. Não correu mesmo nada bem, pelo que decidi naquele momento inscrever-me em aulas de natação e assim fiz.
Esta última semana acho que já aperfeiçoei os Bruços, aprendi a boiar decentemente e a nadar costas (para pelo menos conseguir regressar a terra).
Vitória suprema foi conseguir nadar 25 metros de crawl (ou algo parecido com crawl) seguidos! Fiquei deveras satisfeito com o progresso e acho que são estas pequenas vitórias que nos vão fazendo crescer.
É pouco é verdade, mas para quem nunca tinha feito tal, já é mais do que o suficiente!

Fiquei verdadeiramente conquistado pelo desporto e pela técnica que é necessária para evoluir, mas enquanto escrevo isto penso para mim se alguma vez conseguirei nadar 350 m seguidos ou (música do Hitchcok) alguma 1900m???

Com todo este entusiasmo tenho deixado a corrida para trás, no entanto vou estar presente na 11º Corrida Festas Cidade do Porto e que vai contar com uma presença muito especial: a Renata Tucunduva, corredora blogger brasileira e também twitter´s run. Veio visitar Portugal e não resistiu a fazer esta super corrida aqui no Porto!

Bons treinos para todos!

5 comentários:

José Alberto disse...

Olá Mark,

Abraçar um sonho/desafio dá-nos uma motivação extra para suportarmos as "intempéries" da vida.

Siga com esse entusiasmo e continue a sonhar com esse objectivo e que ele será alcançado com sucesso, estou certo.

Abraço

José Alberto

Rui Pena disse...

Boas Velhote...

Tá visto que estás determinado e assim é que é.

A opção da bike parece-me bem (deixa passar algum tempo até optares pelo tipo de investimento)...

A natação... força com essas aulas (mas vai haver um momento em que vais evoluir muito rapidamente.. e nem te vais aperceber... ai já fazes qualquer prova... e depois é anos e anos a aperfeiçoar e a evolução é muito mais lenta)... mas na corrida e na bike tb. me parece que é assim...

Abraço e desculpa não conseguir estar contigo como desejaria, ou como deveria... mas estou com bastante trabalho à semana e os treinos e a família levam-me o resto (e como gosto tanto... distraio-me do mundo).

PS: Nem vou à Corrida das Festas...

João Paulo Meixedo disse...

tu é qu'é tolo!

Jorge Branco disse...

Nunca tive coragem de meter em Triatlos porque teria que aperfeiçoar o meu estilo de natação canino!
Mas admiro muito que tem coragem para isso. Eu já passei à idade da reforma e agora é só correr e ver se isto não se parte tudo que preso por arrames já anda!

MT disse...

Eu até te vendia a minha bicicleta porque vou comprar uma nova, mas está tão velhinha que já não tem preço.
Fazes bem, mas antes dos 70.3 vais sentir necessidade de comprar uma de estrada, tens é que perceber primeiro qual o investimento que queres fazer.
Quanto à natação, eu há 6 meses estava igual a ti. A evolução vai-te impressionar e cá para mim em Gaia até vais fazer a prova da Taça de Portugal.